InícioEconomiaACIRP realiza seminário para incentivar destinação de tributos para ONGs da cidade

ACIRP realiza seminário para incentivar destinação de tributos para ONGs da cidade

- continua após a publicidade -

A Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto, em parceria com a Prefeitura Municipal, realiza nesta quinta-feira, dia 9, um seminário para empresas e ONGs com o objetivo de esclarecer como destinar impostos em prol das entidades que atendem crianças e idosos e, executam projetos nas áreas de esporte e cultura no município. O evento será dividido em duas partes. No período da manhã, os empresários receberão a palestra e na parte da tarde os representantes de ONGs.

Os palestrantes do seminário serão Bruno Barroso, especialista em gestão de negócios pela Fundação Dom Cabral e sócio fundador da Nexo Investimento Social, Gabriel Tieppo da Rocha, agente fiscal de renda e inspetor fiscal de atendimento, Janaína Taís Bonato, que também é agente fiscal de renda e chefe do posto fiscal da Receita Estadual e Júlio Alfredo H. Curvo, auditor fiscal da Receita Federal. Os especialistas falarão de manhã e de tarde apresentando conteúdos específicos para cada público.

Serviço:
Utilize os incentivos fiscais em Ribeirão Preto
Data: 09/11
Horário: 8h30 (empresários); 14h (ONGs)
Local: ACIRP – Rua Visconde de Inhaúma, 489 – Centro
Inscrições: O evento é gratuito e as inscrições devem ser feitas pelo site da ACIRP

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O fundo do posso sem fundo: Fiocruz indica atenção com dengue

Períodos chuvosos atrelados ao calor são favoráveis à proliferação do Aedes aegypti, que é também transmissor do vírus da zika e chikungunya.

Mãe do presidente Jair Bolsonaro morre aos 94 anos

De Uma família humilde do interior de São Paulo, dona Olinda, partiu mas pode ver os feitos do filho. Nossos sentimentos ao @jairmessias.bolsonaro

Coronavac é liberada e SP confirma dose para crianças em até 3 semanas

Eles garantem que o medicamento é seguro, e casos de mortes não são relacionados com a picada salvadora. Se ele garante nós acreditamos na ciência.

Criança de 10 anos infartou depois da picada mas o motivo não foi a vacina

Prefeitura diz que criança teve parada cardíaca após vacina, mas estado rapidamente concluiu que criança tinha doença rara no coração que os pais não sabiam. E nós acreditamos no trancarua

Nogueira esqueceu? Site e redes sociais da prefeitura não fizeram qualquer menção a data

Prefeitura não programou qualquer evento, não fez menção a data, simplesmente não lembraram a data.
- PUBLICIDADE -