InícioEconomia60 mil vagas gratuitas em cursos de qualificação e R$ 50 milhões...

60 mil vagas gratuitas em cursos de qualificação e R$ 50 milhões em microcrédito para Mulheres

Por meio do Empreenda Mulher, iniciativas serão para incentivar a autonomia das mulheres, possibilitando acesso a crédito e qualificação em diversas áreas

- continua após a publicidade -

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia anunciou nesta segunda-feira (8) a oferta de mais de 60 mil vagas gratuitas em cursos de qualificação em diversas áreas e a liberação de R$ 50 milhões em microcrédito pelo Banco do Povo, exclusivos para mulheres domiciliadas no estado de São Paulo, por meio do Empreenda Mulher.

Pilar de empreendedorismo

Para apoiar as mulheres empreendedoras, a linha Empreenda Mulher do Banco do Povo está disponível com condições especiais. Para ter acesso ao microcrédito, será necessário concluir um dos cursos selecionados no Empreenda Mulher, oferecidos pelos parceiros Sebrae-SP e Aliança Empreendedora. As inscrições já estão abertas e há cursos como formalização, marketing digital, educação financeira, entre outros.

A primeira opção de crédito é para as empreendedoras informais, com limite de até R$ 15 mil, taxa de juros de 0,8% ao mês, carência de 90 a 120 dias e amortização de 18 a 36 meses. Já a segunda opção é voltada para produtoras rurais com CNPJ, taxa de juros de 0,35% a 0,55% ao mês, limite de crédito de até R$ 21 mil, carência de 120 a 150 dias e amortização de 36 a 48 meses. E a terceira opção para empreendedoras MEI, ME, EPP, LTDA e Eireli, o limite de microcrédito é de até R$ 21 mil, com taxa de juros de 0,35% a 0,55%, carência também de 120 a 150 dias e amortização de 36 a 48 meses.

Pilar de qualificação

Os cursos de qualificação foram divididos em três trilhas: Empreendedorismo, Tecnologia e Onde ela quiser. São mais de 60 mil vagas abertas em diversas áreas. Estes cursos não contemplam a bolsa-auxílio do Via Rápida:

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Empreendedorismo (42 mil vagas): Além dos cursos realizados com o Sebrae-SP e Aliança Empreendedora (descritos no pilar de Empreendedorismo), também estão disponíveis cursos de qualificação empreendedora em parceria com as Secretarias da Justiça e Cidadania, do Desenvolvimento Social e de Direitos da Pessoa com Deficiência.

Tecnologia (10 mil vagas): Cursos de tecnologia pelo programa SP Tech. São 4 opções disponíveis: Banco de Dados, Desenvolvimento Mobile, Desenvolvimento Web e Lógica de Programação. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas em www.cursosviarapida.sp.gov.br até 15 de março.

Onde ela quiser (15,7 mil vagas): Cursos de qualificação profissional pelo programa Via Rápida, em diversas modalidades como: finanças, idiomas, gestão administrativa e planejamento. Além de cursos customizados do programa Minha Chance com empresas parceiras (UGT, Comgás, Oracle e Cisco), em áreas como: Açougueiro, Gasista, Linguagem Java, Banco de Dados e Segurança Digital. Mais informações e inscrições no site www.cursosviarapida.sp.gov.br até 15 de março.

Serviço:

Empreenda Mulher Informações dos cursos e linha de crédito do Banco do Povo em: www.desenvolvimentoeconomico.sp.gov.br/empreendamulher

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Seleção feminina de futebol bate a Zâmbia e pega o Canadá nas quartas

Invictas na competição, com vitória contra a China na estreia por 5 a 0 e empate com a Holanda por 3 a 3

FMI melhora previsão de crescimento do Brasil, para 5,3% em 2021

Previsão impulsionou estimativa de alta para América Latina e Caribe

Agressor terá que pagar gastos com tratamento a animal vítima de maus-tratos

Lei que responsabiliza autor de agressões a arcar com o custeio de cuidados é sancionada

Vacina: Profissionais de saúde entre 35 e 59 anos segunda dose

Serão disponibilizadas 4 mil vagas para vacinação que acontecerá na terça-feira, dia 3 de agosto

Homem completamente vacinado, voltou da China, ficou no hotel de quarentena e quando saiu descobriram que tinha Covid

Caso ocorreu na Austrália. A diretora de saúde, Jeannette Young, disse que ele teve três testes negativos antes de sair da quarentena.
- PUBLICIDADE -