InícioEconomia17 mi para pró Urbano foi feito sem justificativas ou estudos técnicos,...

17 mi para pró Urbano foi feito sem justificativas ou estudos técnicos, afirma MP

O MP pediu a prefeitura de Ribeirão Preto fornecer os documentos que comprovem a necessidade do repasse de R$ 17 milhões ao consórcio ProUrbano.

- continua após a publicidade -

O Ministério Público pediu à Justiça que obrigue a prefeitura de Ribeirão Preto a fornecer os documentos que comprovem a necessidade do repasse de R$ 17 milhões ao consórcio ProUrbano.

Na mesma peça, o MP ainda pede que a Justiça obrigue o consórcio a dar garantias que, em caso de não confirmação da necessidade, garantam a devolução do dinheiro aos cofres públicos.

“Observo, por fim, que não foram juntados aos autos eventuais estudos técnicos e justificativas administrativas utilizados para a concessão da benesse e nem mesmo eventuais exigências administrativas para tal”, afirma o promotor Sebastião Sérgio da Silveira, do Ministério Público, em parecer sobre o assunto.

Ainda segundo o MP, a falta de garantias também é um problema.

“A transferência de recursos públicos, sem nenhuma garantia poderia gerar riscos de prejuízos aos cofres públicos na hipótese do decreto de procedência da presente ação popular”, afirmou o promotor.

Sem explicar

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A Câmara de Ribeirão Preto aprovou, de forma definitiva, em 8 de junho, o repasse de R$ 17 milhões ao consórcio ProUrbano, responsável pelo transporte coletivo na cidade.

Entenda:

Vereadores confirmam ajuda de R$ 17 milhões ao ProUrbano

A festa com a verba da Covid continua. Nogueira repassa 17 mi ao ProUrbano

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Aquário Municipal é reaberto para visitação em Ribeirão Preto

Para a reabertura, além de nova decoração externa, foi feita a substituição da iluminação interna

Ribeirão Preto terá Centro de Saúde Mental com atendimento 24 horas

Projeto foi apresentado e aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde; serviço será implantado no prédio da UBDS Central

Olimpíada: em treze dias, Brasil soma 15 medalhas, sendo 4 de ouro

Com Ana Marcela, Brasil bate recorde de mulheres medalhistas, e provavel que Brasil bata recorde de medalhas em todas participações.

Buraco, vazamento de esgoto e pedidos de roçada figuram entre principais reclamações de munícipes

Fica evidente a quantidade de problemas a resolver em Ribeirão Preto e a grande expectativa do cidadão em obter resposta e solução para suas demandas"

Serrana: 100% vacinada em adultos suspende aulas por contaminação de crianças

Os casos positivos são de crianças e adolescentes que foram infectados fora do ambiente escolar.
- PUBLICIDADE -