Início Turismo Dica de cultura : Você vai para o litoral norte aproveite o...

Dica de cultura : Você vai para o litoral norte aproveite o lançamento ‘365 Dias de Micropoesias’

- continua após a publicidade -

Biografia da autora

Luanna Mello é natural de Tocantinópolis (TO), mas atualmente reside em Ubatuba.
A jovem, apaixonada pela vida e amante da poesia, começou a escrever aos 10 anos, motivada pela sua querida professora Luzia Borges Reis. Mas só em 2014 seus textos ganharam vida e novas formas.

Falam de amor, esperança, perdas, rancor e sonhos, levando você a um mergulho para dentro da Alma humana.
Hoje, poetisa e escritora de contos e romances.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A autora teve participação em antologias nacionais no início do ano de 2016.
Antologia Mosaicos – Sonetos e Poesias, pela editora Iluminare, com os poemas, A Salvação Do Ateu, Doce Infância, e A escolha do Passarinho.

Prêmio Poesia Livre 2016 – Antologia Poética pela editora Vivara Nacional, com o poema A escolha do passarinho.

Autora dos livros, Coração Pirata, A vida em Micropoesia, 365 Dias De Micropoesias e Porto Poético em parceria com a autora Perla De Castro, publicados pela editora Litere-se.

Também é membro da equipe editorial Litere-se e colunista da revista Litere-se com sua coluna, O lado agridoce da Poesia.

Você que vai estar em Ubatuba no dia 14 de Dezembro aproveite.
No inicio da noite (às 18h30) de uma Quinta-feira, Luanna Mello apresenta seu livro “365 Dias de Micropoesias”, publicado pela editora Litere-se.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O evento será realizado no Sobradão do Porto (Praça Anchieta, nº 38).
Haverá sessão de autógrafo, ensaio poético e bate-papo com os leitores, intermediado pelo poeta e coordenador do Grupo Setorial de Literatura da FundArt, Joban Antunes.

O evento literário também terá espaço para música, e contará com a participação especial do cantor Kafé Colombiano.

Segundo a autora, o livro “365 Dias de Micropoesias” foi escrito em uma fase difícil de sua vida. “Mais uma vez, fiz da minha arte poética meu refúgio, meu escudo”, conta Mello, que foi vítima de abuso sexual aos 11 anos de idade, da depressão, e da violência doméstica aos 22 anos.

Aproveite e conheça o Sobradão do Porto:

Trata-se de um edifício interessantíssimo tanto do ponto de vista histórico, como arquitetônico, de caráter apalaçado. É tradição que seu traço e cantarias vieram trazidas de Portugal.” – Mário de Andrade

Além das belezas naturais, Ubatuba guarda um pedaço significativo da História do Brasil, e existe um lugar para ser visitado que transpira um passado de prosperidade e glória de uma cidade que já abrigou o porto mais importante do país. O Sobradão do Porto é o único casarão que restou dos áureos tempos do café na segunda metade do século XIX em Ubatuba.

Aberto à visitação, oferece espaço para exposições de arte, artesanato, fotografia, além de oficinas culturais, cursos e concursos que incentivam a produção artística, o resgate e valorização da cultura caiçara e suas tradições. Principal patrimônio histórico de Ubatuba, o Sobradão do Porto está localizado na Praça Anchieta, nº 38, no início da Rua Balthazar Fortes, no centro da cidade.

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Rede de Posto Monte Carlo traz para as rodovias da região de Ribeirão Preto unidades do Frango Assado e Pizza Hut

Com mais de R$ 100 milhões em investimentos, negociação trará para os consumidores marcas consagradas e desejadas, gerando 700 empregos diretos

Foi inaugurado Ecoponto no Jardim Palmeiras II

Local é destinado à entrega voluntária de pequenos volumes de entulho, móveis velhos, madeiras, recicláveis e massa verde

MARP convida para o 45° Salão de Arte de Ribeirão Preto

A exposição do SARP 2020 acontecerá até 18 de dezembro e de 05 a 23 de janeiro de 2021, no MARP

Avenida Independência recebe interdição em dois trechos

Bloqueios são realizados para a execução das obras do programa Ribeirão Mobilidade

Auxílio emergencial: Caixa libera saque para nascidos em outubro

Serão beneficiados 3,6 milhões de pessoas