Início Saúde Primeiro trimestre aponta queda de 99,83 % nos casos de dengue em...

Primeiro trimestre aponta queda de 99,83 % nos casos de dengue em Ribeirão Preto

- continua após a publicidade -

O boletim epidemiológico emitido pela Secretaria Municipal de Saúde nesta quarta-feira, dia 15, revela que foram confirmados 26 casos de dengue em 2017. O número é o segundo menor dos últimos 6 anos.

No mês passado foram 425 suspeitas, porém não há casos confirmados.

Até agora, a região que apresentou um maior número de casos confirmados em Ribeirão Preto, 9 pessoas diagnosticadas com dengue em 2017, foi a Oeste, seguida da região Leste que, registrou 8 casos da doença.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Já a chikungunya e o zika vírus, não houve nenhum caso confirmado até agora. Casos de microcefalia ou outras alterações neurológicas, possivelmente relacionadas à infecção pelo zika vírus não foram relatados no primeiro trimestre de 2017.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Eleições 2020: 67 congressistas irão disputar um novo cargo

A cidade de São Paulo é a capital que reúne a maior quantidade de parlamentares na corrida eleitoral

298 candidatos são flagrados recebendo auxílio emergencial

vice-prefeito e prefeito estão recebendo o auxílio emergencial, embora tenham patrimônio acima de R$ 1 milhão. E você ai dizendo que não vota e não se sente culpado(a)

Yom Kipur: Inicia o ano 5781. Você conhece o significado?

Que você seja achado no livro da vida. É um dia marcado por jejum, preces e arrependimento onde o destino de cada judeu é selado. Pedindo perdão ao próximo e a Deus.

Doria retira incentivos fiscais de 70 itens – preços devem aumentar

Na busca pelo aumento da arrecadação depois do #fiqueemcasa, Doria anunciou aumento de impostos que vão entre medicamentos até instituições como APAE e Hemocentro, passando por alimento entre outras areas

Doria deve aumentar imposto sobre herança no Estado de São Paulo

Projeto de Lei nº 250/2020 pretende alterar as regras do imposto sobre a transmissão de bens por herança ou doação, aumentando a tributação de 4% para até 8%