InícioSaúdeGenocida: 800 brasileiros perderam a vida com Covid na primeira semana do...

Genocida: 800 brasileiros perderam a vida com Covid na primeira semana do governo Lula

- continua após a publicidade -

O presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) indicou para a pasta de Saúde a socióloga Nísia Trindade, de 46 anos. A nova ministra exercia até então o cargo de presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). De acordo com os dados epidemiológicos compilados pelo Ministério da Saúde, durante a primeira semana do governo petista, de segunda-feira a quinta-feira, foram registradas 716 mortes.

Até a última atualização, o balanço mostrava 128 óbitos na segunda-feira (2); 211, na terça-feira (3); 219, na quarta-feira (4) e 158, na quinta-feira (5). Já no domingo (1), dia da posse não houve registros. Até o momento do fechamento desta matéria, os dados de sexta-feira (6) não foram divulgados, porém é possível fazer uma média de 179 mortes por dia, o que facilmente ultrapassa 800 mortes em uma semana.

Os dados podem acessados na página do Ministério da Saúde.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...

Lula quer endurecer penas para crimes ‘contra a democracia’

O Ministério da Justiça e Segurança Pública trabalha em uma proposta para endurecer as punições para crimes “contra a democracia”. O projeto, ainda a...

Lula nomeia novo comandante do Exército; Saiba quem é o General Tomás

O governo federal anunciou na tarde deste sábado (21) que o general Tomás Miguel Ribeiro Paiva é novo comandante do Exército. O ex-comandante Militar...

General demitido por Lula reúne Alto Comando do Exército

Objetivo é anunciar a decisão do presidente de demiti-lo
- PUBLICIDADE -