InícioSaúdeCaminhoneiros terão serviços básicos de saúde gratuitos nos dias 18 e...

Caminhoneiros terão serviços básicos de saúde gratuitos nos dias 18 e 19 de outubro

- continua após a publicidade -

Os usuários que trafegarem pela Via Anhanguera (SP-330), em Ribeirão Preto, terão exames básicos de saúde e vacinação gratuitos disponíveis nos dias 18 e 19 de outubro (quarta e quinta-feira), das 9 às 17 horas. A Autovias (empresa controlada pela Arteris que integra o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo) promoverá a 41ª edição da campanha Saúde na Boleia, no Auto Posto Gavião, à altura do quilômetro 312 (sentido Norte), com o objetivo de reforçar a necessidade de manter hábitos preventivos e oferecer serviços a caminhoneiros e à comunidade em geral.

Quem participar da campanha poderá fazer o check-up básico (que inclui colesterol, glicemia, triglicérides, pressão arterial e batimentos cardíacos) e avaliações física – peso, altura, índice de massa corpórea, percentual de gordura e acuidade visual – e médica, com orientações de profissionais especializados em urgência, emergência e medicina do tráfego. Por meio de parceria com o Grupo São Francisco, vacinas contra tétano e difteria (duplo adulto), sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B e febre amarela serão aplicadas gratuitamente. A Droga Raia, de Ribeirão Preto, também participará do evento, oferecendo orientação farmacológica.

Saúde preventiva

 “Um dos pilares de atuação da concessionária é a segurança viária, e isso compreende também a prevenção de acidentes e a valorização da vida. Devido à rotina, que nem sempre permite dar atenção integral à saúde, alguns motoristas, principalmente caminhoneiros, acabam esquecendo-se desses cuidados básicos – e é para diminuir essa incidência que criamos ações do tipo”, conclui Maria José Finardi, coordenadora de Sustentabilidade da Arteris.

 

Sobre a Arteris – A Arteris S.A. é uma das maiores companhias do setor de concessões de rodovias do Brasil em quilômetros administrados, com mais de 3.250 km em operação. Por meio de suas nove concessionárias, a Arteris administra rodovias localizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Paraná, importante eixo econômico e industrial do País. A companhia é responsável pela operação de cinco concessionárias federais: Autopista Fernão Dias, Autopista Régis Bittencourt, Autopista Litoral Sul, Autopista Planalto Sul e Autopista Fluminense. Também detém as concessionárias estaduais Autovias, Centrovias, Intervias e Vianorte, que atuam no interior de São Paulo. A Arteris é controlada pela espanhola Abertis e pela canadense Brookfield e mantém programas permanentes de conscientização. Em 2016, recebeu o Prêmio DENATRAN de Educação no Trânsito, com o Projeto Escola Arteris, programa com foco na humanização do trânsito por meio da cidadania, ética e convívio social. Saiba mais: www.arteris.com.br.
Sobre a Autovias – Concessionária responsável por 316,5 quilômetros das rodovias Anhanguera (SP-330), trecho entre Santa Rita do Passa Quatro e Ribeirão Preto, Cândido Portinari (SP-334), trecho entre Ribeirão Preto e Franca,  Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318), trecho entre São Carlos e o entroncamento com a SP-255, Antônio Machado Sant’Anna (SP-255), trecho entre Ribeirão Preto e Araraquara, e Engenheiro Ronan Rocha (SP-345), trecho entre Itirapuã e Franca. A Autovias tem sede na cidade de Ribeirão Preto. (SP), local para onde deverão ser encaminhadas todas as comunicações legais, em razão de constituir-se pessoa jurídica distinta de Arteris S.A. (sua controladora societária). A companhia mantém programas permanentes de conscientização e recebeu, em 2016, o Prêmio DENATRAN de Educação no Trânsito, com o Projeto Escola Arteris, programa com foco na humanização do trânsito por meio da cidadania, ética e convívio social. Saiba mais: www.arteris.com.br.
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

STF julga liberação de crininosas para prender manifestantes de 8 de janeiro

Vão soltar criminosas para sobrar lugar para prender senhoras que se manifestavam dentro da constituição e acreditaram em um capitão e alguns generais

As críticas do New York Times a Moraes

O jornal norte-americano New York Times voltou a falar sobre o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Uma reportagem publicada neste domingo, 22,...

5 depredações da esquerda contra o patrimônio público

“Nunca vocês leram alguma notícia sobre um movimento ou partido de esquerda invadir o Congresso Nacional, a Suprema Corte ou o Palácio do Planalto”,...

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...
- PUBLICIDADE -