InícioSaúdeBanco de Sangue Ribeirão Preto necessita de doações para elevar o estoque...

Banco de Sangue Ribeirão Preto necessita de doações para elevar o estoque de sangue em um período crítico do ano

- continua após a publicidade -

Fim de ano é época de rever ações e planejar o que se espera e deseja para o novo ano. Não raras são as pessoas que elencam o que fizeram e o que desejam ainda fazer. Que tal, então, incluir nessa lista um ato altruísta e que, sem demagogia, é capaz de salvar muitas vidas? Doar sangue é um exercício de solidariedade e de fácil realização. É rápido, indolor e extremamente importante, visto que o sangue não tem substituto artificial, sendo ele próprio a única maneira de repor a perda ou suprir demandas do organismo, no caso de algumas doenças.

Segundo Eli Mendes, líder de captação do Banco de Sangue Ribeirão Preto, o número de doações está abaixo do ideal para suprir a demanda. O déficit do estoque está próximo de 25%, e os tipos de sangue mais críticos são O e A.

  “Os feriados de final de ano aumentam ainda mais nossa preocupação. Nesta época necessitamos de mais bolsas de sangue, visto o aumento de acidentes nas estradas brasileiras, queimaduras e cirurgias de emergência”, afirma. “Nossos pedidos são para que as pessoas coloquem em seus anseios para 2018 a doação de sangue como uma das prioridades e que desperte nelas o desejo de se tornarem doadores de repetição, ou seja, que efetuam, ao menos, duas doações de sangue dentro do período de um ano”, explica.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que o número de doadores de um país seja de 3% a 5% do total da população. No Brasil, porém, de acordo com dados recentes do Ministério da Saúde, este índice é abaixo de 2%.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

   Veja como é fácil doar

Os interessados precisam pesar mais de 50 quilos e estar em boas condições de saúde. Não é necessário fazer jejum, mas é preciso esperar 3 horas após o almoço ou a ingestão de alimentos gordurosos. No local, basta apresentar um documento oficial com foto e ter entre 16 e 69 anos (menores de idade precisam de autorização e estar acompanhados por um responsável). O voluntário não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação. Quem fez endoscopia deverá aguardar 6 meses após a realização do procedimento.

   Sobre o Banco de Sangue Ribeirão Preto

O Banco de Sangue de Ribeirão Preto é responsável por atender ao menos cinco hospitais da cidade e realiza cerca de 1.200 transfusões de sangue por mês. Os interessados em doar não precisam agendar horário, basta comparecer à unidade na rua Quintino Bocaiúva, 895, no bairro Vila Seixas (atrás do Hospital São Lucas). O horário de atendimento é das 7h às 18h, de segunda a sábado (exceto feriados). Para os doadores há estacionamentos gratuitos nas esquinas das ruas Quintino Bocaiúva com Amadeu Amaral e Vicente de Carvalho.  Mais informações pelo telefone (16) 3610-1515.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

As críticas do New York Times a Moraes

O jornal norte-americano New York Times voltou a falar sobre o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Uma reportagem publicada neste domingo, 22,...

5 depredações da esquerda contra o patrimônio público

“Nunca vocês leram alguma notícia sobre um movimento ou partido de esquerda invadir o Congresso Nacional, a Suprema Corte ou o Palácio do Planalto”,...

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...

Lula quer endurecer penas para crimes ‘contra a democracia’

O Ministério da Justiça e Segurança Pública trabalha em uma proposta para endurecer as punições para crimes “contra a democracia”. O projeto, ainda a...
- PUBLICIDADE -