InícioSaúdeAçúcar na lancheira das crianças - Pode ou não pode?

Açúcar na lancheira das crianças – Pode ou não pode?

- continua após a publicidade -

O açúcar faz parte da alimentação. A criança que come de tudo aprende a ter uma relação melhor com a comida, sem exclusão, sem excessos. E a hora de montar a lancheira pode ser um bom momento para os pais ensinarem o equilíbrio. Nesse caso, o ingrediente pode aparecer no lanche, mas muito além do que isso, os responsáveis devem incentivar o consumo diversificado que torne o momento gostoso, ampliando o repertório alimentar dos pequenos.

De acordo com Marcia Daskal, nutricionista e proprietária da Recomendo Assessoria em Nutrição,

“falar de açúcar é relacionado àquele de adição. Nas frutas, por exemplo, há o açúcar natural da fruta. Dito isto, o consumo deve ser esporádico e os pais devem determinar. Teve um aniversário e sobrou bolo? Pode mandar um pedaço! A barrinha de cereais, por exemplo, tem açúcar, mas pode ser consumida como parte de um lanche, no qual vai um pedaço de queijo e uma fruta”, orienta.

Na hora de montar a lancheira, é importante que os pais priorizem o preparo em casa. Porém, isso não impede de oferecer alimentos industrializados, desde que em poucas quantidades. A nutricionista diz que bebidas, como água de coco, suco de frutas e mate, assim como o iogurte, são opções práticas para a ocasião.

Já o tamanho do lanche varia de criança para criança e de acordo com a fome no dia. Tem aquelas que precisam de um sanduíche e outras que ficam bem com uma fruta.

“A principal regra é que não tem regra para montar a lancheira. Existem mil recomendações, mas a fome não costuma ler artigos científicos. Procure alimentos nutritivos e fáceis de comer com a mão. Frutas, mande pequenas e fáceis de morder, como uvas sem caroço, ameixa, banana, maçã, ou já picadas. Se costuma mandar mais de um item, que seja em pequenas quantidades de cada um”, diz Marcia.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Ainda de acordo com a especialista, é bom dar preferência para produtos sem adição de açúcar. Assim, é possível controlar mais o consumo do ingrediente com opções que precisam ser adoçadas separadamente.

“Mas, às vezes, algo doce pode compor o lanche, como um bombom ou um achocolatado”.

Veja outros exemplos de alimentos com açúcar que podem compor a lancheira:

  •     Queijinho tipo petit suisse
  •     Chá mate
  •      Bolo
  •      Iogurte
  •      Cereais matinais (em barrinhas ou em saquinhos)
  •      Geleia que vai no sanduíche
  •      Biscoito integral ou biscoito feito em casa
  •      Granola para comer com iogurte

Como saber se a quantidade de lanche está correta?

É importante os pais estarem atentos do quanto volta do lanche para casa, dando uma boa ideia se deve aumentar ou diminuir a quantidade. Quanto menos se come no café da manhã, maior a chance de a fome aumentar na hora do lanche.

“Pode ser também que a brincadeira no pátio seja muito mais interessante do que a comida. Nesses casos, você deve mandar coisas fáceis de comer e que forneçam muita energia e nutrientes, como amendoim, castanhas e nozes, frutas secas e sucos. Ovo de codorna, azeitona, macarrão frio (pene ou parafuso), tomate cereja, frutas, biscoito de polvilho, palitos de pepino e cenoura (ou mini cenouras) são opções que fazem sucesso”, orienta Marcia.

A especialista ainda lembra que a lancheira saudável vai ser adequada para a criança se ela tiver o hábito de comer coisas saudáveis em casa. “Procure fazer lanches divertidos e não mande a mesma coisa todos os dias. Equilibrando as porções, tudo acaba sendo viável na lancheira, inclusive coisas com açúcar”, finaliza.

Sobre a Campanha Doce Equilíbrio: ​

A Campanha Doce Equilíbrio, é uma iniciativa do setor sucroenergético e tem como objetivo promover a informação sobre o equilíbrio na alimentação e estilo de vida. Equalizando o debate sobre o açúcar como componente que pode e deve fazer parte de uma vida saudável, a campanha visa o bem-estar da sociedade.
Nas plataformas de blog (http://www.campanhadoceequilibrio.com.br/),
Facebook (www.facebook.com/campanhadoceequilibrio) e
Instagram (http://instagram.com/campanhadoceequilibrio), o público pode acompanhar e participar interativamente dos conteúdos relacionados ao universo do açúcar.

O projeto, promovido pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), conta ainda com o apoio da Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais (SIAMIG), do Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (SIFAEG), e do Sindicato da Indústria de Fabricação do Álcool do Estado da Paraíba (SINDALCOOL).

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Festival do Café traz expositores, cursos, palestras e apresentações musicais

Evento será realizado de sexta a domingo (7 a 9 de outubro) no espaço A Fábrica, com entrada gratuita e shows do projeto Choro da Casa, Verônica Ferriani e Luciana Mello

Ladeira abaixo: corrida de carrinhos agita Ribeirão neste domingo

Rotas alternativas no trânsito na zona Sul vão auxiliar motoristas e moradores durante o evento

Cursos do Programa Inclusão Produtiva estão com inscrições abertas

Fabricação de Produtos de Confeitaria e de Pães Doces e Semidoces são os cursos oferecidos

Orquestra Beija-flor da IAS se apresenta na 19ª Feira do Livro de Sertãozinho 

Apresentação será na sexta-feira, dia 7, às 19h30, no palco principal na Praça Mané Gaiola, no Centro

Altinópolis receberá ônibus do Cidadania Itinerante

Confira os serviços que serão oferecidos para a população: emissão de 2ª via de certidões (nascimento, casamento e óbito), de CPF e de contas de consumo (água e luz); emissão de carteira de trabalho digital; atestado de antecedentes criminais; entrada no seguro-desempregoentre outros
- PUBLICIDADE -