InícioPolicialPreso há 24 dias, cacique Serere faz carta por livre e exontanea...

Preso há 24 dias, cacique Serere faz carta por livre e exontanea pressão: “não tem fraude nas urnas”

Preso na papuda há 24 dias, cacique Serere faz carta por livre e exontanea pressão: “não tem fraude nas urnas”; veja carta na íntegra

- continua após a publicidade -

Preso na papuda há 24 dias, cacique Serere faz carta por livre e exontanea pressão: “não tem fraude nas urnas”; veja carta na íntegra

O indígena José Acácio Serere Xavante, conhecido como Cacique Tserere, assinou uma carta na qual reconhece ter cometido um “equívoco” ao defender a tese de que houve fraude nas urnas eletrônicas. Ele está preso por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF), por supostamente cometer atos antidemocráticos.

“Peço desculpas ao irmão Lula e ao irmão Alexandre”, diz cacique Serere em carta; no documento, o indígena se diz arrependido de divulgar informações “erradas” sobre o processo eleitoral


“Na verdade, não há nenhum risco concreto que aponte para o risco de distorção no resultado às urnas ou na vontade do eleitor brasileiro”, escreveu. A carta tem assinatura desta quinta-feira (5/1).

Peço, humildemente, desculpas ao povo brasileiro por eventuais declarações exageradas que fiz, ao criticar o sistema eleitoral brasileiro. Da mesma forma, peço desculpas ao Supremo Tribunal Federal; ao Tribunal Superior Eleitoral; ao presidente irmão Lula; ao irmão Alexandre; à minha família; à minha querida tribo Xavante; e, aos meus amados irmãos da nossa Igreja“, escreveu Serere na carta.

Na carta, Serere se diz arrependido de divulgar informações “erradas” sobre o processo eleitoral, que teriam sido enviadas a ele por “terceiros”.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

“Agora, olhando para trás, vejo que estavam desvinculadas da realidade”, disse o indígena. 

“Na verdade, não há nenhum indício concreto que aponte para o risco de distorção no resultado às urnas, ou na vontade do eleitor”, afirma na carta.

Ele afirma que “nunca defendeu ruptura democrática” e que não acredita na violência como método de ação política.

“Entendo que o amor, o perdão e a conciliação são os únicos caminhos possíveis para a vida em sociedade”, diz Serere.

O cacique Serere avisa ainda que, para evitar “qualquer atuação leviana” e a “divulgação de mentiras” a seu respeito, apenas os advogados Jéssica Tavares, Pedro Coelho e João Pedro Mello estão autorizados a falar em nome dele.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

João Rock: projeto de acessibilidade garante inclusão no festival

Evento, que acontece dia 03 de junho em Ribeirão Preto, terá de roda gigante adaptada a shows com intérprete de libras, equipamentos de audiodescrição...

Instituição Aparecido Savegnago apresenta peça teatral com técnicas de improviso no dia 5

Apresentação gratuita será realizada às 19h30 no Auditório Isaura Bolsoni Savegnago, em Sertãozinho

RibeirãoShopping sorteia automóvel zero quilômetro e presenteia com mantas em três opções de cores no Dia dos Namorados

A campanha acontece de 1º a 12 de junho e para participar do sorteio, ganhar o mimo e ainda concorrer a um par de ingressos para o show da cantora Paula Toller, basta trocar notas fiscais de compras no valor de R$ 400,00

Raça Rugby e Rio Preto fazem clássico caipira pela terceira rodada do Campeonato Paulista

Time feminino de Ribeirão Preto disputa amistoso contra equipe feminina de Rio Preto em jogo faz parte da preparação da categoria para as atividades...

Ribeirão Preto terá programação cultural especial para o mês de aniversário da cidade

Atividades começam nesta quinta-feira, dia 1ª de junho e irão acontecer em diversos espaços da cidade
- PUBLICIDADE -