Início Policial Donos do Consórcio Anhanguera são presos pela Polícia Federal

Donos do Consórcio Anhanguera são presos pela Polícia Federal

- continua após a publicidade -

Ação ocorreu na última semana; justiça condenou os empresários a 13 anos de cadeia por lesão a consumidores.
A Polícia Federal de Ribeirão Preto prendeu na última semana dois empresários acusados pela justiça de lesar consumidores do consórcio que gerem.

O processo corria há mais de 20 anos, e os detidos tiveram negado o pedido de recorrer da decisão em liberdade.

Os empresários Denis Mansur e Marco Antônio Ortolan foram presos por crime de gestão fraudulenta na Anhanguera Administradora de Consórcios S/C Ltda, que atuava em Ribeirão Preto e Sertãozinho.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Na definição da pena aplicada consta que “os réus não subtraíram valores pertencentes a somente um consorciado, o que indicaria cabimento da pena mínima, mas sim de diversos consumidores dos planos de consórcio”.

Laranja – Está no processo um office-boy, que trabalhava para os réus e estava com doença grave, teriam se aproveitado da situação de dificuldade deste funcionário,  demonstrando assim um traço de personalidade calculista e indiferente ao drama humano atravessado pelo prestador de serviço.

Mansur declarou à época possuir mais de 500 funcionários e mais de dez empresas, entre as quais concessionárias das marcas Fiat, Renault e Nissan, além de uma locadora de veículos.

Já Ortolan alegou possuir rendimentos mensais de R$ 5.000. A Justiça confirmou que ele também era sócio de uma empresa de acabamentos e revestimentos e de uma locadora de veículos, além da Anhanguera.

os advogados tentam habeas corpus buscando a liberdade dos clientes. Liminar

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Filme ‘O Poço’ reflete era do coronavírus e mostra que o terror sempre foi político

Quem consegue olhar para seu poço?" A perturbação com No final estariam mortos?, são fantasmas?, aquilo ocorreu de fato?, Assistiu e não entendeu, ou não assistiu? confira analise e deixe sua impressão.

Cuidado com golpes no Auxílio 600,00: Caixa alerta que não enviará mensagens

Compartilhe esta informação: Se receber contato por Whatsapp, email ou telefonema dizendo que vai ajudá-la a receber o dinheiro é tudo falso

É preciso mudar a forma de tratar os animais de estimação durante a quarentena?

A professora mestra Thaís Melo de Paula Seixas, docente do curso de Medicina Veterinária da Unifran esclarece as dúvidas

Colapso na saúde, desemprego e recessão são as três maiores preocupações no enfrentamento ao coronavírus

Estudo realizado pela Demanda Pesquisa monitora o impacto das medidas de combate à pandemia na rotina do brasileiro

IMPACTO PANDEMIA – Permutas podem ajudar na sobrevivência dos negócios

Afetados por medidas de isolamento social, empresas e profissionais encontram na uma forma de seguir comercializando seus produtos e serviços
- PUBLICIDADE -