Início Esportes Projeto "SuperAção" ainda têm vagas em Ribeirão Preto

Projeto “SuperAção” ainda têm vagas em Ribeirão Preto

- continua após a publicidade -

Basquete em cadeira de rodas, parabadminton, futebol de sete, futebol de cinco, teatro e balé são as seis modalidades esportivas disponíveis para pessoas com deficiência, criadas pelo projeto “SuperAção” lançado em dezembro desse ano, pela Associação Pró-Esporte e Cultura (APEC).

O projeto conta com aulas esportivas e culturais adaptadas para cada deficiência.

“Todas as modalidades foram pensadas não só para incluir as pessoas com deficiência na sociedade, mas sim para desenvolvê-las em vários sentidos, emocional, físico e motor”, afirma Oswaldo Trintim Júnior, presidente da Associação Pró-Esporte e Cultura.

Algumas aulas são realizadas no campus da USP, são elas: basquete em cadeira de rodas, parabadminton e futebol de sete. Já o futebol de cinco, teatro e balé são realizados na sede da ADEVIRP, e a natação na academia ACM, mas para esta última modalidade as vagas estão preenchidas.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O “SuperAção” entrou em recesso nesta semana, mas voltará na segunda semana de Janeiro, por isso, as inscrições podem ser feitas na sede da APEC localizada na rua Nélio Guimarães, 1155. A partir da próxima segunda (9), as inscrições podem ser feitas no local e horário das aulas que são no campus da USP e devem ser feitas no Centro de

Educação Física, Esportes e Recreação (CEFER) localizada na avenida Prof. Dr. Zeferino Vaz, 819, Vila Monte Alegre,e na sede da ADEVIRP, avenida Leais Paulista, 760. Os interessados deverão comparecer no local com uma foto 3×4 e uma cópia do documento pessoal de identificação.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail proesporte@proesporte.org.br ou pelo telefone (16) 3911-7371. O lançamento oficial do projeto será em janeiro do próximo ano.

O “SuperAção” é realizado pela Associação Pró-Esporte e Cultura (APEC) através do Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (PRONAS), Ministério da Saúde e Governo Federal. Os patrocinamos são da UEG Araucária, IHARA, Sistema Integrado Martins e SMART Supermercados. O projeto ainda conta com os apoios da ADEVIRP, USP, academia ACM e Goal Projetos.

Cronograma de aulas
Basquete em cadeira de rodas – Campus da USP, de terça e quinta, das 19h às 20h30 e das 20h30 às 22h.
Parabadminton – campus da USP, de segunda a quarta, das 8h às 9h e das 9h às 10h.
Futebol de sete – campus da USP, de segunda das 15h30 às 17h00 e quarta das 15h30 às 17h00
Natação – academia ACM, de terça e quinta, das 12h30 às 13h30 e das 14h às 15h.
Futebol de cinco – sede da ADEVIRP, de quarta das 13h às 14h30 e quinta das 10h às 11h30.
Teatro – sede da ADEVIRP, no período da manhã, de segunda a quarta das 9h50 às 11h30 e no período da tarde, de segunda e sexta das 13h as 14h30.
Balé – sede da ADEVIRP, no período da manhã, de quarta, das 7h30 às 9h20 e de sexta das 10h às 11h30 e no período da tarde, de segunda e sexta das 15h20 às 17h.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Ação do Dia Mundial da Limpeza recolheu 5 toneladas de resíduos sólidos em Ribeirão Preto

Centenas de pessoas participaram do evento. Material recolhido foi encaminhado para destinação adequada

Da ala bolsonarista raiz Rodrigo Junqueira traz o PSL para disputa real a prefeitura

Entenda o que esta em jogo nas eleições de 2020, e quais os reais interesses para o futuro de Ribeirão Preto

O desespero do “Fique em Casa”, impediu a visão dos mais humildes ou desinformados

A politica da "reclusão" do povo, exemplificando o Estado de São Paulo, com a impossibilidade de tratamento antecipado de muitas pessoas, atrapalhou um resultado promissor

O preço do arroz subiu, e agora? Bora substituir o cereal em grande estilo

O chef Melchior preparou uma receita saborosa com um acompanhamento ideal para substituir o arroz e salvar o seu bolso em grande estilo.

Mortes no trânsito sobem na região de Ribeirão Preto

Vítimas fatais aumentam em 17% no mês de agosto segundo o Infosiga SP. Índices reduziram em todo o Estado