Início Educação Secretário da Cultura recebe Plano Municipal de Incentivo à Leitura

Secretário da Cultura recebe Plano Municipal de Incentivo à Leitura

- continua após a publicidade -

Na manhã desta quarta-feira, dia 19 de abril, o secretário Municipal da Cultura de Ribeirão Preto, José Carlos Ferreira de Oliveira Filho, recebeu da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, juntamente com outras instituições, profissionais, estudantes e agentes culturais, o Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca de Ribeirão Preto (PMLLB).

Após diversos debates, reuniões e cumprimento de todas as metas no processo de elaboração, o Plano Municipal de Incentivo à Leitura apresenta propostas para incentivar e valorizar as práticas literárias no município.

Para o secretário da Cultura, este projeto da sociedade civil vem para somar com os projetos já existentes da pasta. “É uma ideia muito importante para incentivar a leitura. Vamos conversar com a secretaria da Educação e, juntos, estudar qual a melhor forma para implantação do projeto, que se encaixa perfeitamente em nosso cronograma de trabalho. Com o apoio de vocês, vamos conseguir realizar”, afirma o secretário.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Segundo a presidente da Fundação do Livro e Leitura e coordenadora do comitê que formulou o texto, Adriana Silva, o projeto representa uma contribuição da sociedade organizada para o poder público. “Dada à representatividade com que esse documento foi escrito, podemos dizer que ele representa Ribeirão Preto e os interesses de sua população”, afirma.

O Plano

Focado nas políticas públicas, o PMLLB de Ribeirão Preto está de acordo com o Plano Nacional do Livro e Leitura e se constitui a partir dos mesmos quatro eixos estabelecidos pelo Ministério da Cultura:

1.  Democratização do acesso ao livro;

2.  Formação de mediadores para o incentivo à leitura;

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

3.  Valorização institucional da leitura e o incremento de seu valor simbólico;

4.  Desenvolvimento da economia do livro como estímulo à produção intelectual e ao desenvolvimento da economia nacional.

Dentro de suas propostas, o Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca de Ribeirão Preto apresenta um conjunto de metas de curto, médio e longo prazo para cada um dos eixos estabelecidos e que devem ser implementadas no período de um a cinco anos.

O texto base, que reúne a contribuição de todos os participantes, foi avaliado ao longo de diversos encontros por um comitê especial, formado por representantes de entidades literárias como Academias de Letras e União de Escritores, professores da USP, bibliotecários, representantes da Secretaria da Cultura e da Rede de Ensino do Estado, presidente do Conselho de Cultura e membros da setorial de literatura.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Se­gre­gação: Ma­ga­zine Luiza só contratará ne­gros

Imagine uma loja dizendo “não contratamos negros, apenas brancos”. Isso é crime!, lei 7.716/89 art. 4º,§ 1º.

Lives do final de semana (19 e 20 de setembro)

Os shows presenciais e casas noturnas ainda estão proibidas, então a opção e separar a bebida e os petiscos e escolher a melhor opção

Nasce o Aliança o partido de Bolsonaro

Confira os documentos de petição e despacho. Vem ai o partido de direita que a esquerda tanto teme.

Hospital de Câncer de Ribeirão Preto inicia campanha para compra de novo mamógrafo

Equipamento atual tem mais de 10 anos e precisa de constantes manutenções que tem alto custo

Quais interesses estão em jogo? Lincoln Fernandes é mais um a desistir da prefeitura

Algo estranho e forças ocultas estão agindo nos bastidores, normalmente a luta é para ser candidato, mas este ano vários abandonam o barco. A pergunta é quais interesses?