InícioEconomiaVendas do comércio de RP têm queda em dezembro de 2018

Vendas do comércio de RP têm queda em dezembro de 2018

- continua após a publicidade -

As vendas do comércio de Ribeirão Preto tiveram queda de 0,60% em dezembro de 2018 quando comparadas com o mesmo período do ano anterior, que teve variação positiva de 0,38%. Entre as empresas entrevistadas, 56,2% consideraram as vendas de dezembro de 2018 piores do que as de dezembro de 2017, enquanto 37,5% apuraram resultado inverso. Para 6,3% das consultadas, os dois meses comparados foram iguais. É o que aponta a Pesquisa Movimento do Comércio, realizada mensalmente pelo Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto e Região (SINCOVARP).

Setorial – Entre os setores pesquisados, seis apresentaram quedas. O pior resultado foi Livraria/Papelaria (4,18%), seguido de Vestuário (3,08%), Tecidos/Enxoval (2,96%), Ótica (2,30%), Eletrodomésticos (1,07%) e Cine/Foto (0,13%). Os segmentos que conquistaram aumento nas vendas foram: Móveis (3,71%), Calçados (3,60%) e Presentes (0,96%).

Empregos – Com relação a empregos, foi apurada uma variação média positiva no número de postos de trabalho do comércio durante o mês de 0,01%. Entre as empresas pesquisadas, 95,8% mantiveram seus quadros funcionais, enquanto 2,1% declararam ter contratado e o mesmo percentual, 2,1%, demitiu no período.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Entre os setores, Eletrodomésticos contratou, elevando o número médio de funcionários do setor em 1,18%. Já Livraria/Papelaria demitiu, reduzindo em média o número de funcionários do setor em 1,09%. 

Modalidade de pagamento – No que se refere aos meios de pagamentos utilizados, apesar da predominância do cartão de crédito, sendo utilizado em 51,62% das vendas, ocorreu em dezembro um crescimento no percentual de vendas à vista, com 37,90% das transações. As vendas a prazo, com cheques pré-datados ou carnês, representaram 10,48%.

Entre os setores pesquisados, o cartão de crédito foi o mais utilizado em Cine/Foto com 60,25%. Com o maior percentual de vendas à vista, Livraria/Papelaria teve 60,00% de suas comercializações realizadas por meio da modalidade. As vendas a prazo se destacaram no setor de Tecidos/Enxoval, com 17,00%.

Análise – “Não há como negar o fato de que este resultado deixa o comércio de Ribeirão Preto bastante fragilizado. Dezembro é o mês mais importante para o segmento e qualquer queda, por menor que seja, traz prejuízo. Alivia um pouco o fato de que elas não foram generalizadas, ou seja, para alguns setores o Natal trouxe aumento, mas isto ainda é muito pouco”, observa Rodrigues.

Segundo o economista, de maneira geral, a economia formal do país está enfrentando grande dificuldade em retomar o crescimento e isso se deve principalmente à grande instabilidade ainda presente no cenário político. “A eleição e a posse do novo presidente da república promovem esperança. As medidas que forem tomadas a partir de agora levarão algum tempo até surtirem efeito e, além disso, os processos para aprovação não são simples. Com isso, esperamos e torcemos para que os novos eleitos recoloquem o país nos trilhos e o Brasil volte a crescer. As expectativas têm se tornado mais positivas”, finaliza Rodrigues.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Campeonato Esportivo movimenta mais de mil alunos das escolas municipais

Cirem será realizado até a 2a quinzena de dezembro

Assistência Social realizará “V Caminhada Mulher Maravilha” neste domingo

Evento promovido pelo NAEM acontece em referência aos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres

Projeto Guri está com inscrições abertas

Crianças e adolescentes de seis a 18 anos podem aprender a tocar um instrumento musical, sem a necessidade de conhecimento prévio

Fogos de artifício: veterinário explica como proteger os animais durante as comemorações

Especialista explica as possíveis reações dos pets e o que pode ser feito para amenizar o pânico e transtornos causados pelas explosões

Shopping Iguatemi Ribeirão Preto lança promoção de natal “Compre e Ganhe” com sorteio de vale-compras

Empreendimento apresenta também o seu tradicional filme natalino que reforça valores como empatia e gentileza; campanha é assinada pela DAVID
- PUBLICIDADE -