Início Economia Seminário de abertura da Safra Cana 2017/2018 debate atual cenário para o...

Seminário de abertura da Safra Cana 2017/2018 debate atual cenário para o setor sucroenergético

- continua após a publicidade -

O prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, participou de um dos painéis do seminário Abertura de Safra Cana 2017/2018, realizado pela consultoria Datagro, na tarde desta terça-feira, dia 21 de março, em Ribeirão Preto. Essa é a primeira edição do evento, que teve como propósito reunir os principais líderes do setor, usinas, produtores e fornecedores de cana, para debater desafios e apresentar análises inovadoras para a atual safra de cana-de-açúcar.

Sobre a safra 2017/2018 que terá início a partir de abril – a usina Batatais deverá ser a primeira unidade a iniciar a safra -, Duarte Nogueira ressaltou aos participantes que está na torcida para que as expectativas sejam positivas e se confirmem para o setor.

“Vocês são planejadores, investidores e pessoas extremamente sintonizadas com a torcida, mas com o pé no chão de que a economia está de fato melhorando”, frisou.

Este ano, segundo os especialistas do setor, a previsão é de uma safra com queda de 5% na moagem, em função do envelhecimento dos canaviais de 18 meses para a safra 17/18; menos Açúcar Total Recuperado (ATR); com menos cana bisada, ou seja, cana que não foi colhida de um ano para outro; e pelo menos na região de Ribeirão Preto, com maior foco na produção de açúcar, sobretudo, pela variação dos preços dessa commodity no mercado externo, com a demanda que vem ocorrendo na Índia.

O agronegócio paulista apresentou crescimento de 64% nas exportações em comparação a janeiro de 2016 com mesmo período deste ano.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Entre os temas discutidos pelos especialistas ao longo da programação estiveram a Avaliação de mercado: Safra 2017/18; Finanças – Novas fontes de financiamento (mercado de capitais, IPO, M&A); Administração de risco no setor sucroenergético; Futuro da regulação; e a janela de oportunidade para continuar avançando no setor sucroenergético.

Além do anfitrião, Plínio Nastari, nomes importantes do agronegócio brasileiro estiveram presentes para disseminar as informações: o diretor da Sucden do Brasil, Luis Silvestre Coelho; diretor comercial da Louis Dreyfus Brasil, Carlos Franco; o presidente da Coruripe, Jucelino Sousa; o ex-secretário de Política Agrícola, do Mapa, Ivan Wedekin; o diretor do Departamento de Combustíveis Renováveis do MME, Miguel Ivan Oliveira; o coordenador-geral de Cana-de-açúcar e Agroenergia do Mapa, Cid Jorge Caldas; o presidente do Forum Nacional Sucroenergético, André Rocha; o secretário de Agricultura do Estado de São Paulo, Deputado Arnaldo Jardim.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

CIÊNCIA: MPF de GO afirma resultados positivos no tratamento precoce

A rápida redução da carga viral e dos marcadores inflamatórios é o principal objetivo do tratamento inicial, pois estes eventos é que irão impactar na redução de duração de sintomas, dias de internação e mortalidade.

Nota de posicionamento SINCOVARP/CDL Ribeirão Preto

Bons eram os tempos em que o SINCOVARP/CDL tinham diretores que defendiam os interesses dos comerciantes e não se baixavam para não mostrar a bunda

Nogueira confirma: Ribeirão Preto passa para fase vermelha a partir do próximo sábado

Sobre o toque de recolher, nem mesmo o prefeito soube explicar como funcionara, e afirmou que divulgará ate a próxima Sexta-feira

Estudos mostram que vacina do Doria não funciona na nova cepa do vírus

“os resultados sugerem que a P.1 pode escapar de anticorpos neutralizantes induzidos por uma vacina de vírus inativado”, como a CoronaVac.

Zona vermelha com toque de recolher a partir das 20 horas em Ribeirão Preto e todo estado

A montanha russa continua, quem esta com peixe, carne, bebidas em estoque volta a perder o que investiu, e academias continuam a pagar aluguel e impostos sem trabalhar.
- PUBLICIDADE -