Início Economia Sebrae-SP tem vaga de estágio aberta em RP

Sebrae-SP tem vaga de estágio aberta em RP

- continua após a publicidade -

O Escritório Regional do Sebrae-SP em Ribeirão Preto está com uma vaga aberta de estágio exclusiva para pessoas com deficiência. Podem se inscrever alunos cursando administração ou cursos correlatos (ensino superior). O valor da bolsa-auxílio é de R$ 1.500 mais auxílio transporte e refeição de R$ 607,20. O horário de trabalho é de seis horas por dia. Os interessados podem encaminhar currículo com laudo médico para vagasdeestagio@sebraesp.com.br (assunto: Estágio Ribeirão Preto). Além da vaga aberta, o Sebrae-SP está montando um cadastro reserva para futuras oportunidades e os interessados podem mandar os currículos sem data limite para inscrição. Os currículos também podem ser cadastrados no link: http://trabalheconosco.sebraesp.com.br:83/RM/Rhu-BancoTalentos/#/RM/Rhu-BancoTalentos/home

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Aumento no consumo de cigarro durante a pandemia pode elevar incidência de câncer de pulmão no Brasil

Fumantes correm riscos maiores de sofrerem sintomas graves de Covid-19; Tabagismo é responsável por 85% dos casos do tumor

Agosto virtual: Museu Casa de Portinari traz agenda repleta de ações nas redes sociais

Para brindar esse novo período, o equipamento preparou diversas atividades educativas que promovem a cultura, o entretenimento e o conhecimento

PF faz operação contra quadrilha que atuava nos Correios

Parte foi recuperada com o bloqueio de bens dos investigados, como carros de luxo, um iate, um avião, imóveis de alto padrão e contas bancárias

Não é fácil entender o mundo. Como sobreviver o novo normal?

Seguimos desenfreadamente pela busca da justiça, do bem comum, de um mundo melhor e com maiores oportunidades a todos

Número de remoções e despejos dobram em SP na pandemia

Número de remoções e despejos dobram em SP na pandemia. A pesquisa compara os meses de abril, maio e junho, após o início da pandemia
- PUBLICIDADE -