InícioDiversosManifestantes ocupam fazenda comprada com seu dinheiro

Manifestantes ocupam fazenda comprada com seu dinheiro

- continua após a publicidade -

Um grupo de integrantes da Frente Nacional de Luta, movimento (anarquista disfarçados) que luta por reforma agrária, invadiram na manhã desta sexta-feira (24) a fazenda da advogada Zuely Librandi, presa na Operação Sevandija.

Segundo informações da PM, cerca de 150 invasores cortaram as cercas e instalaram barracos no gramado da Fazenda São Luiz do Inhacundá, pertencente aos Sevandijas.

Segundo representantes do movimento, a invasão ocorreu como parte do Carnaval Vermelho (para aproveitarem a piscina e área de churrasqueira), mas usam como pretexto a intenção de denunciar o esquema de corrupção da prefeitura de Ribeirão. Vale lembrar que este movimento é ligado ao PC do B, portanto são ligados a Wagner Rodrigues, que traiu seu “companheiros” funcionários públicos.

Para a PF, Maria Zuely Librandi foi usada como “laranja” na aquisição do bem. Dentro da fazenda, que está no nome da advogada.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Ministro da Saúde quer encerrar uso da CoronaVac no país

Marcelo Queiroga afirma que há muitos casos de pessoas que tomaram o imunizante e foram infectadas, mesmo após as duas doses.

Descendo a ladeira: Botafogo perde mais uma

O Pantera volta a campo agora no dia 27 (domingo), às 11h, quando enfrenta o Oeste no Estádio Santa Cruz, pela quinta rodada da competição.

Hoje é Dia: semana lembra refugiados e Olimpíada

Conheça fatos e datas da semana de 20 a 26 de junho de 2021

165 anos: Apresentação de orquestra sinfônica tem apenas 2 mil visualizações

Sinfônica de Ribeirão fez concerto em homenagem ao aniversário de 165 anos, mas a audiência foi muito pequena.

165 anos: Varejo de RP tem queda de 16%. Temos o que comemorar?

A população e empresários são verdadeiros guerreiros, que lutam com todas as forças para sobreviver e ainda ajudam aqueles que estão em situação mais fragilizada.
- PUBLICIDADE -