InícioCidadesRecapeamento começa na Rua Guerina Barone Vitaliano, no Complexo do Ipiranga, nesta...

Recapeamento começa na Rua Guerina Barone Vitaliano, no Complexo do Ipiranga, nesta sexta-feira

- continua após a publicidade -

A Rua Guerina Barone Vitaliano, localizada no complexo Ipiranga, na região Norte da cidade, recebe nesta sexta-feira, dia 10 de junho, as equipes de recapeamento que percorrerão toda extensão de 2.100 metros² da via.

O projeto que recupera a pavimentação asfáltica foi iniciado na terça-feira, dia 7, em Bonfim Paulista, numa realização da Prefeitura de Ribeirão Preto, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura.

Nesta quinta-feira as equipes ainda atuaram no Distrito, nas ruas: Roque Pippa (1.125 m²) e Izokiti Menoara (6.970 m²) e concluíram os serviços. Segundo Osvaldo Braga, secretário municipal de Infraestrutura, ao todo foram recapeados 15.886 metros², em Bonfim Paulista, beneficiando cinco vias: Rua Francisco Alexandre, (2.415 m²); Rua Antonieta Pucci Pippa, (3.696 m²); Rua Dr. Parmênio Ramos, (1.680 m²) 7.791 metros²); Trecho da Rua Roque Pippa (1.125 m²) e Rua Izokiti Menoara (6.970 m²).

Atendendo a demanda dos moradores e dando prioridade à 12 diferentes bairros, o recapeamento recupera o pavimento asfáltico de 76 quarteirões, o que representa 433.486,00 metros² de ruas e avenidas, ou seja, aproximadamente 51 km de vias.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O novo contrato, realizado em parceria com a Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve São Paulo), está orçado no valor de R$ 12.764.052,05.

Bairros Beneficiados: Alexandre Balbo, Bonfim Paulista, Campos Elíseos, Ipiranga, Jardim Itaporã, Jardim Paulista, Planalto Verde, Parque das Andorinhas, Parque dos Servidores, Sumarezinho, Vila Tibério e Vila Virgínia.

“A obra de recapeamento é um dos serviços mais requisitados pela população em função do desgaste sofrido no pavimento asfáltico das ruas da cidade. O trabalho que iniciaremos nesta sexta-feira na Rua Guerina Barone Vitaliano e na sequência, na Rua André Rebouças, vem ao encontro das necessidades da cidade e corrigirá o pavimento das vias públicas em diferentes bairros, onde o asfaltamento está comprometido devido ao longo tempo de utilização, ou seja, mais de 40 anos, quando a vida útil do pavimento asfáltico é, em média, de 15 anos. Outro grande benefício do recapeamento é a garantia da fluidez do trânsito e a segurança de motoristas e pedestres”,

afirma Osvaldo Braga.
O Recapeamento – Consiste, inicialmente, na realização de limpeza da via e, na sequência, ocorre a efetivação do processo de regularização asfáltica, que adequa o nível da pista, preparando-a para receber a última etapa do trabalho, que é a aplicação final da capa asfáltica de Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ), que garante a durabilidade do serviço.

“O material é aplicado a uma temperatura de 160 C°, permitindo melhor fixação da massa na via. A massa asfáltica quente garante a secagem mais rápida, melhor qualidade do serviço realizado e maior agilidade em cada etapa do processo”,

explica o secretário da Infraestrutura.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Palácio Rio Branco completa 105 anos

Quinteto de Metais da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto abrilhantou a festa

Subsídio do Casa Verde Amarela aumentará em até 21,4%

Acréscimo varia conforme região, renda familiar e tamanho da população

Câmara aprova limite da alíquota de ICMS sobre combustíveis

Acabou a farra dos governadores: Projeto também limita alíquota para eletricidade e telecomunicações

Cervejaria Colorado lança edição especial colecionável para celebrar o João Rock 2022

No estilo American Lager e produzida com mandioca, cerveja possui 4,2% de teor alcoólico e 18 IBU e chega em seis embalagens diferentes
- PUBLICIDADE -