Início Cidades Opine: Você é a favor ou contra a estação da Catedral?

Opine: Você é a favor ou contra a estação da Catedral?

- continua após a publicidade -

Muita polêmica está sendo gerada em torno da construção da estação Praça das Bandeiras, em frente a Catedral de Ribeirão Preto. Existem aqueles que defendem a obra que promete garantir mais conforto, segurança e modernidade ao espaço utilizado para embarque e desembarque dos passageiros, e aqueles que pedem a paralisação da obra por alegações de impactos na estrutura da igreja, para garantir a preservação do patrimônio e para que não seja alterada a praça, um dos símbolos da cidade.

> Começam as obras da estação Catedral
> A igreja não quer a construção da estação Parque das Bandeiras

O local em frente a igreja já recebe um grande fluxo de ônibus diariamente. Para a prefeitura e o consórcio Pró-Urbano, a construção apenas ofereceria mais conforto a população, não aumentando o impacto ambiental ou fluxo de ônibus no local. Já o Padre Francisco Jaber (Chico), contesta o laudo apresentado pelo consórcio e teme pelo impacto na estrutura da igreja centenária.

Nós do Em Ribeirão queremos a sua opinião, vote abaixo e comente, você é a favor ou contra a construção do terminal em frente a igreja matriz?

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Baleia: Pai preso, irmão delatado por propina e ele quer ser o salvador da pátria

O próprio é citado em delação da JBS, e agora se une com todos partidos de esquerda, traindo os votos de seus eleitores. Tudo pelo poder e pelo dinheiro

Aborto matou 42 milhões de bebês em 2020

Aborto matou sozinho mais que covid, câncer, HIV, álcool e cigarros juntos. São 125.000 por dia.

Aposentados do INSS começam a receber benefícios com reajuste

Calendário de pagamentos segue número final de cartão do beneficiário, confira a tabela dos próximos 12 meses

Trecho da avenida Independência será interditado nesta terça-feira, dia 26

Rotas alternativas poderão ser utilizadas nas avenidas Anhanguera e João Fiúsa

Rede municipal volta às aulas presenciais dia 8 de fevereiro

O calendário começará pelo ensino fundamental, e no dia 1 de março, as aulas voltam para a educação infantil; O retorno dos alunos é opcional
- PUBLICIDADE -