InícioBlogsDSOP Educação FinanceiraTrês passos para desenvolver talentos

Três passos para desenvolver talentos

- continua após a publicidade -

Outro dia, em uma palestra sobre Gestão de Pessoas, escutei uma comparação que muito me interessou: foi dito que ter uma carreira de sucesso pode ser comparado a ter uma vida saudável ou não. Da mesma forma que somos fisicamente aquilo que construímos, tendo ou não uma musculatura forte e resistente para envelhecer, na vida profissional também somos aquilo que exploramos.

Isso significa que, para sermos um profissional de sucesso, devemos buscar um autoconhecimento constante, conhecer nossos pontos fracos e desenvolver constantemente a nossa musculatura, para nos tornarmos profissionais fortes e poderosos. Mas como realizar esse trabalho de lapidação em nossas equipes?

Primeiro passo – reconhecer os talentos
Saber quem faz parte do seu time é a primeira etapa do desenvolvimento de talentos. Pessoas são diferentes e únicas, entender isso e saber observar quais as qualidades de cada um e para que tipo de tarefas podem ser aproveitadas é o papel do gestor.

Segundo passo – entender as necessidades da sua empresa
Cada empresa, cada cargo e cada momento pedem diferentes qualidades e aptidões de um time. Estar atento para o que é realmente necessário para o bom funcionamento de uma companhia é fundamental. Com isso, é possível realocar, fazer adaptações, modificar descrições de cargos e tarefas.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Terceiro passo – criar um projeto de assessment
Devemos sempre olhar para dentro da empresa e buscar primeiro possíveis talentos. Assessment é avaliar competências, conhecer com maior eficiência e critério as pessoas, buscar autoconhecimento e gestão do conhecimento. Com um projeto estruturado, é possível desenvolver e avaliar constantemente os resultados, criando novos desafios e, assim, formando talentos continuamente.

Sobre Tarsia Gonzalez
Aos 13 anos, seu sonho era comprar um par de sapatos de salto. O pai disse que, para isso, ela precisaria trabalhar, mas o sonho do sapato foi apenas o estopim para uma carreira sólida, que começou aos 16 anos e resultou na ampliação da empresa, com foco especial na satisfação de seus funcionários, e na presidência do Conselho Administrativo, função que ela desempenha com o talento, foco em resultados sem deixar de lado o coração. Formada em psicologia, Tarsia aprendeu na prática como é alavancar sucessos e deseja levar essa experiência a outras empresas:

“meu objetivo é levar o olhar sobre as diferenças e contribuir com minha experiência para que outras companhias possam atingir o nível de governança necessária para o seu sucesso”.

 

Fonte: Tarsia Gonzalez

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes

Teatro Municipal lança edital de ocupação do 1° semestre de 2022

Inscrições começaram dia 15 de setembro e vão até 15 de outubro

Avenida Thomaz Alberto Whately tem nova interdição para obras

Bloqueio ocorre para obras do trecho 1 do corredor de ônibus Norte-Sul pelo programa Ribeirão Mobilidade

IMPORTANTE COMPARTILHE: Anvisa e Min. da Saúde NÃO Recomendam a vacinação para Menores de 18 Anos

Não se vê veículos de imprensa ou governantes falando sobre o assunto, muito pelo contrario continuam incentivando a vacina que não tem teste para menores de 18 anos

Vacinados já são 81,7% dos internados em SP

Do total de hospitalizados, 51,6% (325 doentes) já foram totalmente imunizados, com as duas doses, (34,6%) com Coronavac.
- PUBLICIDADE -