Home » Região » brodowski » Museu Casa de Portinari apresenta seus materiais de acessibilidade durante a Virada Inclusiva

Museu Casa de Portinari apresenta seus materiais de acessibilidade durante a Virada Inclusiva

Nos dias 01 e 02 de dezembro a instituição divide com o público geral como é feita a comunicação de seus conteúdos para pessoas com deficiência

O Museu Casa de Portinari – instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari – tem um vasto material de acessibilidade desenvolvido com a parceria e com a validação de grupos que representam pessoas com diferentes deficiências, como a Adevirp – Associação dos Deficientes Visuais de Ribeirão Preto e Região e a Associação de Surdos de Ribeirão Preto. Durante a Virada Inclusiva, nos dia 01 e 02 dezembro, das 09h00 às 16h00, será apresentado para todos os visitantes público um pouco desse trabalho.

Na programação, que contempla uma agenda estadual e envolve instituições de diferentes partes de São Paulo, estarão disponíveis maquetes táteis, audioguia, relevo de obra, miniaturas de móveis e objetos e catálogo em Braile, que auxiliam na mediação do conteúdo exposto para o público deficiente.

 Histórico

O Museu Casa de Portinari iniciou seu trabalho de acessibilidade para públicos especiais no início dos anos 80, época em que a instituição passou a receber visitas de pacientes do hospital psiquiátrico de Brodowski, de alunos das “classes especiais” de escolas municipais, estaduais e das Apaes (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais) da região, do colégio de educação especial Egidyo Pedreschi e de pacientes da Clínica de Psiquiatria e Dependentes Químicos do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, além de grupos de terceira idade e outras instituições afins.

A partir de 2006 o Museu Casa de Portinari intensificou suas ações de acessibilidade. No total, os materiais de acessibilidade do museu destinado ao público com deficiência física, sensorial ou mental estão os seguintes: visitas monitoradas, acessos adaptados, vagas identificadas para deficientes físicos na Praça Candido Portinari, em frente ao museu (não há estacionamento próprio), cadeiras de rodas, andador e bengala, textos informativos em tinta e em braile, audioguia e DVD em Libras, com a apresentação do Museu para o deficiente auditivo, maquete tátil com a arquitetura do museu, réplicas táteis de obras bi e tridimensionais, réplicas táteis de móveis e ambientes, jogos, quebra-cabeças e detalhes de obras e textos em Braile.

Entre as ações online, as comunicações feitas pela Newsletter e Facebook tem descrição das imagens para cegos e no site  da instituição (www.museucasadeportinari.org.br) há o Hugo, um intérprete de Libras criado pela HandTalk.

Serviço:

Virada Inclusiva: Apresentação de Materiais de Acessibilidade do Museu Casa de Portinari

Datas: 01 e 02/12/2018

Local: Museu Casa de Portinari (Praça Candido Portinari, nº 298 – Centro – Brodowski/SP)

Horário: das 09h00 às 18h00

Informações: (16) 3664-4284

Entrada: gratuita

Comente

Deixe uma resposta