Home » Esportes » Paralimpíada » Atleta se prepara para eutanásia para depois dos Jogos Paralímpicos

Atleta se prepara para eutanásia para depois dos Jogos Paralímpicos

Rio de Janeiro - Delegação brasileira é recebida com espetáculo de dança na Vila Paralímpica Rio dos Jogos 2016 (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Belga Marieke Vervoort, de 37 anos, estará na pista de atletismo dos Jogos Paralímpicos Rio 2016 em busca de mais uma medalha de ouro. Mas, após o fim da competição, a atleta entrará com o pedido de eutanásia.

Marieke sofre de uma doença degenerativa na coluna vertebral, que a deixou em uma cadeira de rodas quando tinha 14 anos.
Mesmo assim, ela se tornou uma das maiores atletas paraolímpicas do mundo, conquistando a medalha de ouro na corrida de 100m e prata nos 200m, na classe T52, nos Jogos Paralímpicos Londres 2012.

Porém, a belga já decidiu que está será sua última participação nos Jogos.
Em entrevista a um jornal francês, ela explicou sua condição.

“Todo mundo me vê sorrindo com minha medalha de ouro, mas ninguém vê o lado escuro. Sofro muito e, às vezes, durmo apenas 10 minutos por noite. O Rio é o meu último desejo”.

A corredora explicou que, ao voltar para a Bélgica, vai analisar todas suas opções e decidir o que é melhor.

“Depois do Rio, vou parar minha carreira desportiva. Quero ver o que a vida me traz e vou aproveitar os melhores momentos. Tenho uma lista do que quero fazer, como acrobacias no ar”.

 

 

 

As informações são do site Unilad .

 

Comente

Deixe uma resposta