Home » Esportes » Futebol » Botafogo » Mirassol x Botafogo – Casa cheia para o jogo decisivo

Mirassol x Botafogo – Casa cheia para o jogo decisivo

A torcida de Ribeirão Preto mobilizou uma caravana com 28 ônibus e lotou o setor visitante.
Já o time da casa aderiu ao projeto Futebol Sustentável para também fazer a sua parte em Mirassol.

CASA CHEIA

Três mil ingressos foram disponibilizados para a torcida do Botafogo, que deve fazer a sua parte fora de casa. O clube vem de vitória por 2 a 1 contra o Bragantino e chegou a sete pontos, dependendo apenas de si para escapar.

O Mirassol está logo a sua frente, com nove pontos, e também em situação complicada. O clube colocou cinco mil ingressos para Futebol Sustentável, mas espera passar de 10 mil pessoas no estádio.

Local –José Maria de Campos Maia – Mirassol (SP)
Árbitro –Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes –Daniel Paulo Ziolli e Miguel Cataneo Ribeiro

Gols = Mirassol 01 x Botafogo 01

Mirassol: Wilson 6′ 1T
Botafogo: Naylhor 46′ 1T

Mirassol

Matheus Aurélio;
Daniel Borges, Riccieli, Leandro Amaro e Alex Ruan; Léo Baiano, Wellington Simião, Jean Carlos (Yuri) e Maílton;
Rodolfo (Felipe Augusto) e Carlão.
Técnico: Moisés Egert.

Botafogo

Darley;
Ednei (Denilson), Naylhor e Plínio; Willian Oliveira, Marlon Freitas, Bruno José, Pará e Nadson; Erick Luís e Rafael Costa.
Técnico: Roberto Cavalo.

O Botafogo entrou da décima-primeira rodada do Paulistão com um só objetivo para o time e para a torcida: escapar do rebaixamento e respirar mais tranquilo no campeonato. A motivação era grande, e essa animação se traduziu nos cerca de 3 mil torcedores que viajaram até Mirassol para acompanhar o Tricolor contra o time da casa.

Mas o jogo não começou como o planejado para o Pantera. Logo aos 6 minutos Alex Ruan cruzou, Wilson cabeceou e abriu o placar para o Mirassol. Com o 1 a 0, o Mirassol adotou uma postura mais defensiva, já que o resultado livrava matematicamente o time do rebaixamento.

O Botafogo pressionava e criava oportunidades de gol, aos 20 minutos Pará cruzou e encontrou Bruno José, que testou consciente, mas a bola parou no travessão; aos 40 Erick Luis fez linda jogada, driblou o zagueiro mas a finalização não passou do goleiro. Aos 47, no último lance do primeiro tempo, veio a redenção. Nadson cobrou escanteio e Naylhor apareceu na área para cabecear e colocar o 1 a 1 no placar.

O segundo tempo continuou no mesmo ritmo, e aos 4 minutos quase veio a virada. Pará cobrou falta no ângulo esquerdo e o goleiro do Mirassol foi buscar na gaveta. O time da casa também levava perigo com Carlão e Rodolfo. Mas apesar do jogo movimentado, a partida terminou mesmo em 1 a 1.

Agora o Botafogo depende apenas das próprias forças na última rodada, contra o Santos, para se manter no Paulistão e garantir uma vaga no Troféu do Interior. Em caso de derrota do São Caetano para o São Paulo, o Pantera automaticamente se mantém na elite do futebol paulista. Botafogo e Santos se enfrentam na quarta-feira, às 21h30, no Estádio Santa Cruz.

Com o empate a decisão fica para a ultima rodada, onde o Botafogo jogara contra o São Paulo

Comente

Deixe uma resposta