Home » Cidades » Educação » Alunos do Projeto Guri vão às ruas no Dia da Música

Alunos do Projeto Guri vão às ruas no Dia da Música

Ação será realizada em parques, feiras livres, praças, supermercados, museus e até em terminal rodoviário

No mundo inteiro, o dia 24 de junho é tra­dicionalmente celebrado como Dia da Mú­sica. E, mais uma vez, o Projeto Guri – maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – também vai comemorar a data. A intenção é dar voz a crianças, adolescentes e jovens – incentivando o exercício da cidadania e a livre expressão. Mais de 100 cidades serão beneficiadas com atrações gratuitas e abertas à comunidade.

Os eventos, elaborados pelos estudantes, irão ocorrer fora da sala de aula, em diversos espaços de suas cidades, como praças, quadras de escolas, coretos, par­ques públicos etc. Em Lins, por exemplo, alunos das turmas de cordas agudas, cordas graves, madeira e percussão tocarão no Terminal Rodoviário da cidade; em Junqueirópolis, uma orquestra de viola caipira tocará no supermercado; em Ibiúna a cantoria será na casa de Santa Rita, asilo e abrigo. Os formatos para as atividades são os mais variados: saraus, piqueniques musicais, gincanas, show de talentos, jogos, festas etc.

A proposta faz parte do Guri Participativo, programa criado para estimular a autonomia e a participação ativa de alunos e alunas do Projeto Guri.  “Propusemos aos alunos e alunas o desafio de pensar em alguma atividade que acontecesse fora do polo de ensino, em outros espaços da cidade, convidando a população a celebrar este dia de uma forma mais interativa”, comenta Alessandra Costa, Diretora Executiva da Amigos do Guri.

A proposta de fomentar a participação dos jovens não se encerra com o Dia da Música. Com o Guri Participativo, os espaços de atuação dos estudantes devem ser ampliados também dentro das salas de aula. “Esperamos que os alunos, ao serem incentivados a participar, tomem consciência do processo de construção de seu conhecimento, de sua atuação em sala de aula, tanto em relação aos seus colegas quanto em relação à sua própria vida, desenvolvendo a autonomia, o respeito e a cidadania”, comenta Claudia Freixedas, Diretora Educacional da Amigos do Guri. “Quanto aos educadores, a expectativa é de que percebam as riquezas de experiências e saberes da cada aluno em sua singularidade, buscando reformulações constantes na prática docente.”

Confira a programação do Dia da Música e participe!

23 10h Ribeirão Preto Monte Azul Paulista Praça da Matriz São Pedro Tocarão os alunos de percussão e cordas (dedilhadas, friccionadas e grave)
23 9h Ribeirão Preto Santa Rosa de Viterbo Centro Cultural Municipal – Polo Santa Rosa de Viterbo R. Sete de Setembro, 1.000 Atividade em parceira com os músicos (profissionais e amadores da cidade)

 

24 16h Ribeirão Preto Brodowski Polo Brodowski Rua Miguel Sabino, s/nº Gincana musical
24 9h Ribeirão Preto Viradouro Praça da Matriz Pça. Francisco Braga Brincadeira e apresentação musical
24 9h Ribeirão Preto Cândido Rodrigues E.E. Rizzieri Poletti Av. Geraldo Frare, 1.012 Atividade de Voz e Movimento

Projeto Guri www.projetoguri.org.br

 

Patrocinadores e apoiadores do Projeto Guri – Amigos do Guri: Instituto CCR por meio da CCR AutoBAn e CCR SPVias; CTG Brasil; VISA; VALGROUP; Supermercados Tauste; AES Tietê; Microsoft; WestRock; Novelis; Usina Colorado; Banco Votorantim; Capuani do Brasil; Caterpillar; Grupo Maringá; Pinheiro Neto; EMS; Sky; Magazine Luiza; Mercedes-Benz; ASTA; Catho; CODESP; Raízen; Arteris; Supermercados Rondon; Castelo Alimentos; Hasbro.

 

Sobre o Projeto Guri

Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos nos Grupos de Referência e na Fundação CASA). Cerca de 50 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu mais de 710 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

 Sobre a Amigos do Guri

A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto –, a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: www.projetoguri.org.br/faca-sua-doacao.

Comente

Deixe uma resposta