Home » Cidades » Desativação de rede antiga melhora abastecimento de água na Vila Seixas

Desativação de rede antiga melhora abastecimento de água na Vila Seixas

O principal objetivo da troca das tubulações é reduzir a perda de água e diminuir os reparos nas redes antigas.

O Departamento de Água e Esgotos de Ribeirão Preto (Daerp) iniciou nesta quarta-feira, dia 22, os trabalhos de desativação da rede antiga do bairro Vila Seixas, o que nos próximos dias já começará a ter reflexos positivos no abastecimento da área, em função das interligações que estão sendo feitas diretamente na rede de distribuição de água nova.

As desativações estão ocorrendo na extensão da Avenida Independência, nas esquinas das ruas Américo Brasiliense, Florêncio de Abreu, Lafaiete e Prudente de Moraes. Depois partem para dentro da Vila Seixas, cortando a rede velha com a colocação de tampões para o funcionamento da nova rede.

No bairro, onde a tubulação tem mais de 50 anos, o departamento municipal substituiu cerca de 20 mil metros de rede e 1.800 derivações (ligações domiciliares). A rede antiga, que está sendo desativada, apresentava constantes vazamentos em decorrência da corrosão pela ação do tempo, enquanto que a rede nova é de PVC, um material mais resistente e duradouro.

“Essa providência vai garantir a segurança e modernização do sistema de água. Os moradores da Vila Seixas enfrentavam constantes rompimentos de rede devido ao fato dos encanamentos serem velhos. Isso vai acabar”, informa o engenheiro do Daerp, Tharanty Eira, que acompanha a execução do serviço.

De acordo com o engenheiro e diretor técnico do Daerp, Luiz Mantilla, a nova rede já está funcionando, mas com a desativação da antiga, haverá mais pressão na rede, melhorando de forma significativa o fornecimento de água em todo o bairro.
Mantilla destaca ainda que o órgão, por meio de investimento próprio, está substituindo 35 km de redes de distribuição, 10.500 ligações e 26 km de novas adutoras.

Entre os locais contemplados estão: Rua Constituição e várias ruas das imediações, na Vila Tibério; várias ruas do Sumarezinho, Parque Ribeirão (quatro vias), toda a extensão da Avenida 9 de Julho, Vila Seixas (26 mil metros de rede), ruas Tamandaré e Fábio Barreto.
Depois da Vila Seixas, a desativação da rede antiga será feita em algumas ruas nos Campos Elíseos.

Comente

Deixe uma resposta